NÓS ACREDITAMOS: NAS PESSOAS | NA NATUREZA | NO EQUILÍBRIO
Revisão sugere aumento médio de 25,87% nas tarifas da Cemig
NÓS ACREDITAMOS: NAS PESSOAS | NA NATUREZA | NO EQUILÍBRIO

Revisão sugere aumento médio de 25,87% nas tarifas da Cemig


Postado em 07/03/2018

A quarta  revisão tarifária da Cemig pode levar a um aumento médio de 25,87% nas tarifas da concessionária. Os índices definidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica representam impacto médio de 34,41% para os consumidores atendidos em alta tensão e de 22,73% para os clientes do segmento de baixa tensão. A diferença entre os consumidores de alta e de baixa tensão é explicada pelo aumento do custo da Conta de Desenvolvimento Energético, que teve impacto maior para os consumidores livres e cativos do subgrupo A2.

A Aneel considerou na tarifa da distribuidora um nível de perdas técnicas de 7,84%  sobre a energia injetada. Para as perdas comerciais sobre o mercado faturado foi estabelecida meta 7,63% como partida, e  6,39% ao final do ciclo. A proposta  de revisão ficará em audiência pública de 7 de março a 21 de abril, com reunião publica prevista para  26 de março em Belo Horizonte  (MG). Os índices finais serão aplicados  em 28 de maio.

Confira a materia completa aqui.


Receba novidades em seu e-mail



Av. Ireno da Silva Venâncio, 199
G 21A | Sala 1
CEP 18111 100 Votorantim, SP
Íon Energia 2018
Powered by Interatron/Yank